Novos instrumentos e equipamentos são criados constantemente, isso, aliado aos novos conceitos no tratamento endodôntico, tornam esta especialidade cada vez mais precisa e eficiente.
Porém, é comum aos dentistas especialistas em Endodontia (ou os que almejam iniciar um curso de especialização) se depararem com inúmeras dúvidas frente a tantas novidades. O que usar? O que comprar? Como e onde eu uso tudo isso? Preciso começar tudo do zero de novo?

Dúvidas mais frequentes:

1) Se eu comprar um motor de uma marca“X” só poderei usar as limas dessa marca?

Não. Praticamente todos os sistemas mecanizados seguem o mesmo padrão de encaixe no contra-ângulo do motor. Que, na verdade, é o mesmo padrão de encaixe do contra-ângulo de baixa rotação.

2) Os motores são todos iguais?

Apesar do padrão de encaixe das limas serem iguais, existem movimentos e programações diferentes de um motor para outro. Atualmente, no Brasil temos 4 tipos de movimentos diferentes: rotatório, recíproco, “adaptive” e o movimento de rotação alternada.
No mercado nacional, nenhum motor contempla todos esses movimentos. Todos têm o movimento rotatório convencional e alguns também vêm com um ou dois dos outros movimentos.

3) Tratamento endodôntico: Quanto mais rápido, melhor?

A ideia de que o tratamento rápido e fácil é melhor está errada. Pelo contrário, o preparo mecanizado pode ser falho e será a substância química que terá a responsabilidade de compensar isso, mas ela precisa de tempo para agir!
Por isso, quanto mais rápido o tratamento, menor o tempo de ação da substância química, portanto, maiores as chances de fracasso do tratamento.

4) O localizador apical é útil? Preciso ter?

Apesar de não ser uma obrigatoriedade, ele é muito útil a este especialista.
Mas lembre-se: como motor não é tudo igual, localizador também não.
Busque marcas consolidadas e respeitadas no mercado.

5) E o ultrassom? 

O uso do ultrassom provavelmente é a grande mudança na Endodontia da última década, revolucionando a maneira que encaramos o tratamento.
Hoje, existem insertos (pontas) de ultrassom para todas as etapas do tratamento, desde o acesso até a obturação.

6) Mas eu preciso comprar um ultrassom específico para Endodontia?

Se você já tem um equipamento de ultrassom Piezoelétrico, está perfeito! Você só precisa descobrir o padrão de encaixe do seu ultrassom e escolher os insertos de Endodontia que você precisa.


Gostou do tema? Ficou alguma dúvida?
Fale nos comentários!


Saiba mais sobre as consultorias de marketing da DMA pelo e-mail contato@dmagencia.com
DMA – Dental Marketing Agency ®